O Portal Claro

No portão dos sonhos, eu tentei abrir o mundo interior onírico para quem quer explorar esse mundo – seja por causa de sede de conhecimento, curiosidade ou busca da aventura. Eu quis dar a chave para o mundo dos sonhos, por meio de uns exemplos que mostram como interpretar a simbologia. Por algum tempo, eu tinha a ideia de fazer um tipo de léxico da simbologia onírica. Assim, todos que estejam interessados poderiam achar uma riqueza de materiais sobre o tema aqui. Eu também li muitos livros sobre simbologia onírica para preparar o meu léxico, e uns deles foram muito bons. Mas enfim, todos esses livros não deram certo em relação à variabilidade individual dos símbolos oníricos.

Por isso, eu pensei: "Não posso fazer uma coisa tão fácil para os leitores dos meus sites sobre sonhos. Pois eu os enganaria, mesmo que eu não quisesse. Para um tema tão complexo como a simbologia onírica, você tem que adquirir entendimento profundo por meio de reflexão e aprendizagem. Qualquer outro caminho levaria ao fracasso. Por isso, eu só expliquei alguns símbolos oníricos. Mas com esses poucos símbolos, eu tentei mostrar que essa simbologia não simplesmente surge dum tipo de arbitrariedade interior, mas na verdade tem leis de formação que são inerentes em todos os seres humanos. Isso quer dizer: tem uma simbologia principial, e quanto mais derivado um símbolo, mais subjetivo pode ser o significado simbólico.

Mas a possibilidade da interpretação de sonhos é somente um método entre outros instrumentos que podem ser usados para obter uma mestria relativa desse mundo interior. Um outro instrumento é a meditação. Com isso eu não quero falar sobre uma coisa religiosa ou uma técnica sofisticada. Na verdade, com "meditação" eu quero dizer: imaginações sugestivas de expansão da consciência e da luz. Fazemos essa meditação antes de ir dormir. Sim, devemos adormecer durante da meditação e levar tudo – tudo o que podemos sentir na meditação – para o nosso mundo dos sonhos. Pois esse método de meditação é uma força sugestiva que pode formar o nosso mundo interior. Estou convencido que uns "mestres da meditação" estão chocados com essas palavras, tentando fechar o site para que eles possam se livrar disso. Mas eu posso dizer com certeza que esse tipo de meditação sempre deu certo comigo, com resultados positivos. Eu tive a coragem de andar um novo caminho, e eu até fui recompensado para isso com muitos sonhos lúcidos (ou viagens astrais).

 

Capítulos aqui:

I. Símbolos de Limiar

II. Guardiões do Limiar

III. Sonhos de Iniciação

 

 

© Alfred Ballabene (Viena) traduzido por Corra